segunda-feira, agosto 08, 2005

O Faz Tudo e a Música Aquática de Handel



A TV ainda nos vai dando algumas coisas boas!

Ontem, já tarde da noite e antes de se anichar nos braços de Morfeu, o Faz Tudo fez um zapping e eis… um belíssimo documentário, com origem nas Inglaterras.

Tratava-se tão só da recriação, com todos os matadores, de uma apresentação feita em 17/07/1717, da “Musica Aquática de Handel“, que nessa altura (reinado de George I) e agora, foi apresentada numa barcaça linda, com maestro e músicos vestidos com rigor, à época, tocando instrumentos daquele já longínquo século XVIII.

Deslizando pelo Tamisa, em noite serena, sem quase vento ou frio, aqueles acordes devem ter feito as delícias de quem nas margens via e ouvia!

Em casa, na sua sala de convívio, confortável, com o ar condicionado a funcionar e fumando umas cigarrilhas, o Faz Tudo estava sereno e embevecido não só com a música, mas também com a quietude que no princípio da noite as águas calmas do Tames transmitiam!

Serenamente, sem ruídos, dirigiu-se para a cama e…
... dormiu profundamente!

Assim, pode dizê-lo, foi um final feliz de um Domingo, que é normalmente chato, por natureza!

Falta dizer: foi na 2:
////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////
Curiosidade:
London newspaper article from the "Daily Courant," 19 July 1717:
"On Wednesday Evening, at about 8, the King took Water at Whitehall in an open Barge, wherein were also the Dutchess of Bolton, the Dutchess of Newcastle, the Countess of Godolphin, Madam Kilmarnock (sic. Kielmansegge), and the Early of Orkney. And went up the River towards Chelsea. Many other Barges with Persons of Quality attended, and so great a Number of Boats, that the whole River in a manner was cover'd; a City Company's Barge was employ'd for the Musick, wherein were 50 Instruments of all sorts, who play'd all the Way from Lambeth (While the Barges drove with the Tide without Rowing, as far as Chelsea), the finest Symphonies, compos'd express for this Occasion, by Mr Hendel, which his Majesty liked so well, that he caus'd it to be plaid over three times in going and returning. At Eleven his Majesty went a-shore at Chelsea, where a Supper was prepar'd, and there was another fine Consort of Musick, which lasted till 2; after which His Majesty came again into his Barge and return'd the Same Way, the Music continuing to play til he landed."

1 comentário:

anatema disse...

Nada como una buena pieza de música clásica para descansar en Brazos de Morfeo.

Free counter and web stats