sábado, outubro 22, 2005

O Faz Tudo e o livro do João Céu e Silva



Foi com um prazer enorme que hoje, o Faz Tudo, foi à apresentação e lançamento do livro "Uma longa viagem com Álvaro Cunhal", da autoria do João Céu e Silva, edição da ASA, numa FNAC de Lisboa.

Participaram Urbano Tavares Rodrigues, que apesar da sua provecta idade, continua lúcido e a falar maravilhosamente e José Pacheco Pereira, de quem se escusa adjectivar.

Como todos enriquecemos ao ouvir falar alguém, sobre alguém, que queira-se ou não, foi talvez o maior vulto político português do século XX !

Foi feita uma análise histórica de :
- antropologia (na sua vertente cultural)
- bibliográfica
- biográfica
- humana
- social
- secreta
- artística (plástica ou literária)

do, desde militante clandestino do PCP, a Secretário-Geral do mesmo, até poucos anos antes de viajar para algures ou nenhures.

Nesta tarde, o Faz Tudo, aprendeu algo mais da história do seu País.

Depois do que ouviu, não vai perder por princípio algum, a ou as , publicações de JPP sobre Álvaro Cunhal, com a sofreguidão própria dum esfomeado e muito menos deixar passar ao lado a viagem que o João Céu e Silva fez com o mesmo!

Mesmo os mais renitentes e fervorosos anti-comunistas não podem, nem devem perder este exemplar literário, pois que de um documento histórico, contemporâneo, se trata!

O Faz Tudo na sua ânsia coscuvilheira vai lê-lo e com certeza deleitar-se!

Apesar de só ter esfolheado algumas páginas, dá os parabéns ao João Céu e Silva pelo trabalho apresentado!

É um livro que para além do apregoado, indispensável nas nossas humildes bibliotecas, ainda por cima é bonito!

2 comentários:

grzl disse...

registo a "dica" até porque acho que o Cunhal foi uma figura ímpar no panorama político nacional pela sua coragem e coerência e integridade.
mataste a tua "toutinegra" com medo da gripe aviária ou quê? eu continuo a ir lá mas dou com o nariz na porta.
está muito bonito, só falta que tu continues a limentá-lo(a).
desejo uma boa semana
um abraço
graziela

anatema disse...

Asistir a la presentación de un libro es asistir a un parto. Ver como surge la vida de un vientre o de una mente. Comparto todo lo que dices. Un libro, en si mismo, es ya un placer. Saludos.

Free counter and web stats