segunda-feira, janeiro 23, 2006

O Faz Tudo e Habemus Praestes













(meditando)


A palhaçada acabou!

É tempo de repor ideias!

Ganhou Cavaco Silva; a maioria do povo português assim o entendeu e como democrata que é, a partir do dia 9 de Março, será o seu Presidente da República.

Desta tribuna, o Faz Tudo, deseja-Lhe sucesso e clarividência na tomada das decisões que a seu tempo, sobre questões várias, surgirão.

Contudo gostaria de expressar que não foi Nele que votou, pois que, sem tentar desresponsabilizar outros, não esquece os 10 anos de reinado, onde em tempos de vacas gordas, o descalabro começou!

Geriu soberbamente o silêncio, próprio de quem não tinha nada para dizer e empurrado desde há 2 anos pela comunicação social e não só, viu-se levado em andor, à cadeira suprema do nosso Estado, caladinho como um rato!

O Faz Tudo é coerente consigo próprio, de tal maneira que, já o tinha dito e escrito, nunca votaria em tal personagem.

Aguarda o futuro, com expectativa e tolerância, em prol do desenvolvimento cientifico, económico e literato, acima de tudo com tranquilidade e fair play.

Habemus Praestes!

2 comentários:

Jorge disse...

Como bem sabes, mais vale calado do que a dizer bacoradas e a expressar falta de educação.
Às vezes o silêncipo é de ouro, que é no cas decorrente o que aconteceu.DE todo o modo não há a mínima dúvida de que Cavaco é sem sombra de duvida um homem muito honesto, o que não é o caso de outros que toda a gente sabe que encheram os bolsos sabe-se lá como?,mas adivinha-se.
Um abraço democrático.
Não me dês a desilusão de ainda um dia te ver de espada e avental, a chamar irmãozinho a um qualquer safardan que não conheces de lado nenhum.
Toma lá que é para agasalhares esta!!!!

Carlos disse...

... oh! Jorge!
... essa do avental, só mesmo lá no escritório quando o presunçoso do chefe me manda lavar as chávenas dos cafés que ofereceu aos putativos clientes!
... quanto à espada, mete-a onde quiseres, ok?
... toma e embrulha!
...O E F

Xi

Free counter and web stats