segunda-feira, março 13, 2006

O Faz tudo e ...va de retro!

(tirada de aqui)


O endividamento do cidadão português atingiu níveis absurdos!

O Faz Tudo não vai postar números, pois estão nos jornais e noticiários das TVs.

Aumentou em relação ao ano anterior a quantidade de pessoas a pedir ajuda à DECO, no que concerne à resolução dos seus problemas caóticos!

Dado que a grande maioria dos indivíduos, é-o porque comprou casa, carro, fez viagens de turismo, equipou-se com electrodomésticos ou anda opiparamente a comer em bons restaurantes, mas sempre a prestações, singelamente o escriba pergunta como é isto possível?

Sempre ouviu dizer: "quem não tem dinheiro, não tem vícios!"

Mas parece que agora o que "está a dar", é dever e dever muito!

Vai daí a DECO dá apoio!
Vai daí o Estado dá apoio psicológico!
Vai daí o pessoal há-de ver o problema resolvido!

Há contudo uma coisa que faz imensa confusão à cabeça do Faz Tudo:

Se é proibida a publicidade às bebidas alcoólica...
Se é proibida a publicidade ao tabaco...
Porque diabo é permitida a publicidade aos Bancos, esses sim, verdadeiros agiotas, que metem cartões dourados ou azuis (não interessa a cor) na mão de toda a gente, obrigando-os a consumir produtos que até aí nem lhes tinha passado pela cabeça? ganhando eles (os Bancos) rios de dinheiro e pagando uns miseráveis impostos ao Estado.

Até quando?

Há quem não tenha "cartões", trabalhe como um moiro e se veja aflito para sobreviver e pagar os impostos devidos... a esses não há apoio psicológico!

Acabem com a fantochada!

Proíba-se a publicidade enganosa que a Banca faz e deixa, como disse, muita e muita família em péssimos lençóis!

O Faz Tudo é bombardeado todos os dias, ora por telefone, ora pessoalmente por simpáticos sujeito(a)s a tentarem impingir-lhe mais um cartão!

Va de retro!

3 comentários:

Ilheu jornaleiro disse...

Meu querido, aqui, na terra dos cartoes, o endividamento se calhar ainda eh maior do que em Portugal. Demasiados cartoes eh mau, mas um ou outro dah jeito para emergencias. Saudacoes democraticas

Anónimo disse...

meu querido faztudo dou-te inteira razão abomino cartões de crédito impigidos a força toda e o ataque ultimamente eh comparado a venda de time sharing .
e dado a todo o bicho careta depois veem com a conversa do empenhamente dos portugueses.
temos que ser quase heroicos para negar porque eles nos vendem sao soh vantagens .o pior eh depois.
troya

carmuue disse...

subscrevo veementemente!
"Va de retro!"

Free counter and web stats